1. Blogue
  2. Ajuda para o Currículo
  3. Como carregar o seu currículo no LinkedIn (3 métodos)
Escrito por Anna MuckermanAnna Muckerman

Como carregar o seu currículo no LinkedIn (3 métodos)

12 min. de leitura
Como carregar o seu currículo no LinkedIn (3 métodos)
O LinkedIn é uma das ferramentas mais utilizadas em todo o mundo para encontrar e se candidatar a empregos. Criando um perfil impressionante no LinkedIn e adicionando o seu currículo à plataforma, poderá chamar a atenção dos recrutadores ou até aumentar as suas ligações profissionais em poucos e simples passos.

Com mais de 756 milhões de membros em 200 países, não é de admirar que o LinkedIn seja uma das ferramentas mais populares do mundo para encontrar e se candidatar a empregos. Criando um perfil impressionante no LinkedIn e adicionando o seu currículo à plataforma, poderá chamar a atenção dos recrutadores ou até aumentar as suas ligações profissionais em poucos e simples passos. No entanto, existem questões importantes que deve colocar a si próprio antes de carregar o seu currículo no LinkedIn. Nesta publicação, vamos abordar as diferentes formas de adicionar o seu currículo ao LinkedIn e como decidir qual a opção mais adequada para si. 

Pode considerar que o LinkedIn é o seu currículo online, mas apesar de um recrutador poder aceder a uma hiperligação para o seu perfil, nem toda a gente usa o LinkedIn (ou o seu trabalho pode restringir o acesso), por isso, nada melhor do que um documento com o seu currículo. 

Eis o que vamos abordar:

  • Onde adicionar um currículo no LinkedIn
  • Os passos para carregar o seu currículo no LinkedIn
  • Os prós e os contras de incluir o seu currículo na página
  • Como enviar um currículo no LinkedIn

Um excelente perfil no LinkedIn com um currículo carregado mostra que está pronto para avançar na sua procura de emprego. Se os recrutadores não precisarem de o contactar para que o seu currículo chegue à secretária de um potencial recrutador, então já está na linha da frente da procura de emprego.

Dica profissional

Deve carregar o seu currículo no LinkedIn?

Na sua essência, o LinkedIn é um site que lhe permite chamar a atenção dos recrutadores, apresentando as mesmas informações que eles encontrariam no seu currículo. Embora deva adicionar informações relevantes a cada uma das secções incorporadas, como o Histórico Profissional ou a Formação, nem sempre é aconselhável publicar todo o seu currículo no site. Continue a ler para descobrir os prós e os contras de cada forma de publicar o seu currículo no LinkedIn.

Como adicionar um currículo ao LinkedIn

Quando se trata de carregar o seu currículo no LinkedIn, existem diferentes formas de o adicionar ao site. Neste capítulo, falaremos das suas opções, bem como das vantagens e desvantagens de cada uma.

Utilizar a funcionalidade “Featured Media” para carregar o seu currículo no LinkedIn

Se pretende que os recrutadores encontrem o seu documento como está no papel, então adicionar o seu currículo no LinkedIn como “Featured Media” é a forma mais fácil de o fazer. Esta função permite-lhe anexar simplesmente o ficheiro do seu currículo, para que seja uma das primeiras coisas que o recrutador vê no seu perfil do LinkedIn.

Certifique-se de que o seu currículo tem um título inequívoco na secção de “Featured Media” e o ideal é que seja o documento que fica mais à esquerda. Se tiver outros documentos na secção, estes devem ficar em segundo plano. Considere a possibilidade de utilizar maiúsculas no título do seu currículo para o fazer sobressair.

Aqui ficam os passos para o fazer:

  1. Aceda à sua página de perfil
  2. Do lado esquerdo, por baixo do seu nome e das suas ligações, selecione a bolha cinzenta com a designação “Adicionar secção do perfil”
  3. No menu suspenso intitulado “Destaques”, escolha “Meios de comunicação social”
  4. Procure o ficheiro no seu computador e clique em “Abrir”

Prós: Se pretende que um recrutador encontre o seu currículo tal como se o tivesse enviado por correio eletrónico, esta é a melhor forma de garantir que o vê no seu LinkedIn.

Contras: Dado que um perfil atualizado do LinkedIn contém a maioria dos elementos do seu currículo, carregar o seu currículo como Featured Media pode dar a impressão de que não se sente à vontade com a utilização da plataforma em toda a sua plenitude.

Dica profissional

Como posso publicar o meu currículo no LinkedIn?

Uma alternativa à utilização da opção “Featured Media” é simplesmente fazer uma publicação que inclua o seu currículo. Embora não fique tão visível no seu perfil, chamará a atenção de qualquer uma das suas ligações que esteja a percorrer o seu feed. Se entre as suas ligações houver potenciais empregadores, futuros colegas ou recrutadores, esta publicação irá mostrar-lhes o seu currículo. Certifique-se também de que escreve um texto pertinente/interessante que o acompanhe.

Para publicar o seu currículo desta forma, comece por navegar até à página inicial (procure o ícone da casa na barra superior). Escreva uma publicação tal como o faria em qualquer outra plataforma de redes sociais. Utilize o ícone “Adicionar um documento” para incluir o seu currículo antes de partilhar a sua publicação com o mundo!

Adicione as informações do seu currículo a cada secção do LinkedIn

Se o seu objetivo é apenas partilhar a informação que está no seu currículo e não se importa que o recrutador veja o ficheiro real, então transferir a sua experiência para cada secção do LinkedIn em vez de adicionar o currículo real ao LinkedIn é a melhor maneira de o fazer.

Pode ser considerado um pouco comodista simplesmente copiar/colar o seu currículo em cada secção. O LinkedIn disponibiliza muito mais espaço para descrever as suas experiências, pelo que deve considerar acrescentar mais informações do que as que constam do seu currículo. Deve também tornar as informações no seu perfil do LinkedIn tão gerais quanto possível, para atrair o interesse dos diferentes empregadores. 

Eis como fazê-lo:

  1. Aceda ao seu perfil
  2. Do lado esquerdo, por baixo do seu nome e das suas ligações, selecione a bolha cinzenta com a designação “Adicionar secção do perfil”
  3. Use os menus suspensos para navegar para todas as diferentes secções possíveis, incluindo “Experiência”, “Competências” e “Formação Académica”
  4. Copie as informações do seu currículo para as caixas correspondentes no LinkedIn

Resumindo, lembre-se sempre que um bom perfil no LinkedIn desempenha muitas vezes (nem sempre) a função de um currículo! 

Prós: Esta é a forma como se pretende que o LinkedIn seja utilizado, pelo que este método serve para dar uma imagem completa do seu percurso profissional e também demonstra que se sente confortável com a plataforma.

Contras: Esta não é a forma como deveria enviar o seu currículo ao candidatar-se a um emprego. Falaremos sobre isso a seguir.

Dica profissional

Como posso publicar o meu currículo no LinkedIn sem que a minha entidade patronal saiba?

Embora não haja maneira de garantir que o seu empregador não vai encontrar o seu currículo no LinkedIn ou que não veja as alterações que fez ao seu perfil, existem formas de minimizar a possibilidade de o seu chefe reparar que procura de emprego.

Comece por navegar até ao menu “Eu” (por baixo da sua fotografia, do lado direito da barra superior) e escolha “Configurações e Privacidade”. Aí poderá controlar diferentes opções, incluindo:

  1. Desativar "Compartilhe atualizações de perfil com sua rede" em "Visibilidade"
  2. Alterar "Opções de visualização de perfis" para "Anónimo" em "Visibilidade"
  3. Adicionar o seu chefe ou colegas de trabalho a "Pessoas bloqueadas" para evitar que vejam as suas atualizações

Se quiser ir mais longe, pode remover o seu empregador dos contactos. Embora eles não sejam notificados de que o fez, irão descobrir se visitarem o seu perfil e virem que já não têm ligação. Isto, por si só, pode levantar suspeitas, mas as pessoas fazem-no por razões perfeitamente normais. Outra coisa a referir é que nunca se deve ligar a pessoas com poucas ligações enquanto estiver à procura de emprego, pois nunca se sabe quando é que um recrutador curioso pode estar a tentar espiá-lo. Coisas estranhas acontecem.

Lembre-se apenas de que fez estas alterações e tenha em atenção que elas irão afetar a sua visibilidade. Não as faça e esqueça que o fez. Um dia, pode fazer sentido voltar a alterá-las.

Utilize a funcionalidade “Candidatura Simplificada” do LinkedIn

Com milhares de vagas num feed personalizado, não admira que o LinkedIn seja uma das formas mais populares de procurar e de se candidatar a empregos. O LinkedIn simplifica o envio do seu currículo através da funcionalidade “Candidatura Simplificada”. 

Esta opção apenas está disponível para empregadores que optem por ela, por isso se não existir um botão azul de “Candidatura Simplificada” na parte superior da publicação, terá de ir à página da empresa para se candidatar diretamente. Deve ter em atenção que a sua candidatura não será tão personalizada como desejaria com esta opção. Se enviar uma carta de apresentação personalizada diretamente para o departamento de RH ou para o recrutador, poderá manter o controlo da candidatura, mas este método poderá ser possível apenas mais tarde.

Perspetiva estatística

40 milhões de pessoas usam o LinkedIn para procurar emprego todas as semanas e três pessoas são contratadas através da plataforma a cada minuto, de acordo com a empresa.

Eis os passos para utilizar a “Candidatura Simplificada”:

  1. Navegue até ao anúncio de emprego pretendido
  2. Clique no botão “Candidatura Simplificada” abaixo do cabeçalho do anúncio
  3. Na janela pop-up, clique em “Upload resume”
  4. Procure o ficheiro do seu currículo no seu computador
  5. Continue a preencher as informações de contacto e as perguntas complementares antes de enviar

Prós: Esta é a melhor forma de carregar e enviar o seu currículo ao candidatar-se a empregos no LinkedIn.

Contras: Uma vez que apenas está a enviar o seu currículo através do LinkedIn para um empregador ou anúncio de emprego, este não será visto por outros recrutadores.

O melhor é candidatar-se utilizando vários canais, se possível. Pode candidatar-se facilmente através do LinkedIn e também enviar o seu currículo através dos canais habituais do empregador. Consulte a secção de vagas disponíveis na página de Internet da empresa. Muitas vezes, haverá um endereço de correio eletrónico para onde pode enviar o seu currículo e carta de apresentação.

Espero que tenha achado este guia útil! E lembre-se, se quiser um excelente currículo que faça com que os recrutadores parem para pensar, utilize os nossos modelos profissionais, o criador de currículos e a biblioteca de mais de 300 exemplos específicos de empregos. Os candidatos mais bem preparados conseguem empregos verdadeiramente espetaculares!

Conclusões principais:

Os recrutadores e os responsáveis pela contratação passam muito tempo no LinkedIn durante qualquer procura de candidatos. Embora o seu perfil deva ser o melhor possível, deve ter em conta que a página de contratação de um empregador também é monitorizada regularmente. Eles investem em subscrições do LinkedIn Recruiter, pelo que todas as candidaturas são valorizadas. Mas tenha cuidado, certifique-se de que o seu perfil está 100% concluído antes de enviar o seu currículo do LinkedIn. Pode ter a certeza de que eles irão analisar o seu perfil assim que receberem a candidatura. Não seja impaciente. Comece por fazer o trabalho de base no LinkedIn.

  • Existem vários métodos para adicionar o seu currículo ao seu perfil do LinkedIn, incluindo a utilização da opção Featured Media, anexando-o numa publicação ou adicionando-o individualmente ao seu perfil.
  • Regra geral, não é necessário carregar um PDF do seu currículo no seu LinkedIn, uma vez que o site já tem secções incorporadas para essa informação.
  • A funcionalidade Candidatura Simplificada permite-lhe enviar o seu currículo diretamente para os empregadores que optarem por esta funcionalidade.
  • Embora não haja maneira de garantir que o seu chefe não veja o seu currículo no LinkedIn, existem algumas formas de minimizar as hipóteses de que tal aconteça.
Crie o seu currículo em 15 minutos
Crie o seu currículo em 15 minutos
Use modelos de currículo profissionais e testados, que seguem exatamente as “regras de currículo” dos recrutadores.
Criar o meu currículo
Partilhe este artigo
Continue a ler
Ajuda para o Currículo18 min. de leitura
Europass CV: prós e contras da criação de um currículo europeu
Europass CV: prós e contras da criação de um currículo europeu
Carreira14 min. de leitura
Por que razão quer trabalhar aqui? Respostas boas e más a esta difícil pergunta de entrevista
Por que razão quer trabalhar aqui? Respostas boas e más a esta difícil pergunta de entrevista
Carta de Apresentação16 min. de leitura
Como formatar uma carta de apresentação em 2024: exemplos e dicas
Como formatar uma carta de apresentação em 2024: exemplos e dicas
Ajuda para o Currículo13 min. de leitura
Competências essenciais: O que são e como devem constar de um currículo?
Competências essenciais: O que são e como devem constar de um currículo?
Pesquisar Todos
Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador e para efeitos de analítica e de marketing. Ao utilizar o nosso website, autoriza todos os cookies em conformidade com a nossa Política de Cookies e Política de privacidade.
Aceitar Cookies